DW AngolaOnline Library

Online Library

PROJECTO DE GESTÃO DE TERRAS REALIZOU UM ENCONTRO COM OS TÉCNICOS DAS ADMINISTRAÇÕES MUNICIPAIS, IGCA E INOTU

Monday, 1 April, 2019

Trazemos neste numera a narração de alguns episódios da vida nas comunidades, e fazemos alusão a efemérides importantes ocorridas neste período. Trazemos ainda à notícia a bordagem da questão da gestão das terras ao nível da província do Huambo, envolvendo as autoridades e outros actores nesta matéria. Dá-se também espaço à divulgação das principais realizações em que se encontra envolvida a representação no Huambo da ONG Angolana, Development Workshop (DW). 

DIA DO PAI, MARCADO COM TEMA DE REFLEXÃO SOBRE PATERNIDDE RESPONSÁVEL

Friday, 1 March, 2019

Comemorado sob o lema: “Pai Presente, Família Feliz e Paternidade Responsável, o dia internacional do pai, na Província do Huambo, foi saudado com a realização de uma palestra de reflexão, sobre a Paternidade Responsável, brindada pelo Pastor Afonso Dumbo, que destacou a importância da paternidade no desenvolvimento da criança e aconselhou aos presentes a observarem 4 princípios importantes no exercício da paternidade responsável (ser exemplar, buscar equilíbrio entre a amizade e autoridade, participação na vida do filho e a conquista de um espaço no seio da família).

Teste do menu

Friday, 22 February, 2019

teste

Biodiversity of Angola

Friday, 22 February, 2019

Angola possesses an unusually rich diversity of ecosystems and species,
but this natural wealth is poorly documented when compared with other countries in
the region. Both colonial history and extended wars challenged progress in biodiversity research and conservation, but since peace was achieved in 2002 a rapidly increasing level of collaboration between Angolan and visiting scientists and institutions has seen a blossoming of biodiversity research. The absence of comprehensive reviews and syntheses of existing knowledge, often published in extinct journals and inaccessible official reports, necessitates a modern synthesis. This volume brings together the existing body of scientific results from studies on Angola’s landscapes, ecosystems, flora and fauna, and presents an outline of opportunities for biodiversity discovery, understanding and conservation as well as collaborative research.

Climate change scenarios for Angola: an analysis of precipitation and temperature projections using four RCMs

Thursday, 14 February, 2019

According to the recent Intergovernmental Panel on Climate Change assessment report (IPCC, 2013), climate change is expected to intensify regional differences in
Africa’s natural resources and worsen the vulnerability of the continent due to increasing temperatures and significant changes in precipitation regimes. Some studies show that changes in climate are already being observed in Africa (e.g. New et al., 2006; Christy et al., 2009; Sarr et al., 2013; Kusangaya et al., 2014). In particular, a trend towards an increase in temperature (e.g. Kruger and Shongwe, 2004) and a decrease in annual precipitation (Zengeni et al., 2014) has been recorded from meteorological stations in the southeastern coast of South Africa, during the last decades. Moreover, increasing trends in extreme precipitation
events have been found in those regions that have shown an overall decrease in annual precipitation (IPCC, 2013).

Conspicuous Consumption in Africa

Wednesday, 9 January, 2019

Luandas_Slums_Poverty_and_Gentrification

Barros & Balsas (2019)
Wednesday, 9 January, 2019

Slum redevelopment is occurring at a rapid pace in many African cities. This
paper examines the urban development of contemporary Luanda, the capital of
Angola. Central to this examination is an analysis of the city’s slums according
to Foucault’s concept of governmentality.

Relatório Final da Sustentabilidade da Organização Sociedade Civil em Angola

Monday, 7 January, 2019

A economia de Angola continuou a lutar em 2017. Uma vez que o petróleo representa cerca de um terço do PIB do país e mais de 95% da sua exportação, o declínio acentuado e prolongado do preço global do petróleo desde os meados de 2014 teve um impacto significativo. A receita reduzida fez com que o crescimento do PIB desacelerasse de uma média anual de 10,3% em 2004-2014 para apenas 1,5% desde 2015. O governo respondeu, reduzindo às despesas, desvalorizando o Kwanza e aumentando as receitas do sector não petrolífero. No entanto, os angolanos continuaram a experimentar uma deterioração acentuada das suas condições de vida em 2017, incluindo a falta de medicamentos nos hospitais, a depreciação dos salários, aumento do desemprego e as constantes flutuações no fornecimento de água e da energia eléctrica.

Recycling Consumption Political Power and Elite Wealth in Angola

Claudia Gastrow (2019)
Tuesday, 1 January, 2019

Angolans were shocked by the airing of an episode of the American reality television show Say Yes to the Dress.

Arquitetura Tradicional em Angola - Estrategias de Sustentabilidade

Alberto Daniel (2019)
Tuesday, 1 January, 2019

A Arquitetura Tradicional Vernacular resulta de um diálogo milenar com o clima e recursos locais,
resultando em edifícios mais confortáveis, menos “energívoros” e mais amigos do ambiente, menos
onerosos economicamente, e inspirados na cultura local – trazendo ensinamentos preciosos aos
arquitetos de hoje.

Delegada da união Europeia constata o andamento do Projecto de Gestão de Terras

Saturday, 1 December, 2018

A informação é um processo integral e promissor de uma sociedade para a sua formação e desenvolvimento, por isso é com muito gosto que retrato este espaço do j o r n a l Ondaka pois que é um meio de comunicação c o m bastante relevância, visto que elabora uma síntese d e informações decorrente na sociedade Angolana em particular na província do Huambo. 

World Bank Angola - Systematic Poverty Diagnostic-2018

WORLD BANK
Saturday, 1 December, 2018

Angola is endowed with significant natural wealth, but it will need to better manage these resources
and reinvest them into other forms of capital to establish a sustainable development path. Before
independence, the country was a relatively advanced economy with diverse exports, although its
population suffered under exploitative colonial rule. Decades of conflict, during the fight for
independence and the civil war that followed, exacted a heavy toll on the population, infrastructure, and
the economy. The end of the war in 2002 and a booming oil industry resulted in strong economic growth,
but the poor saw very little benefit from this economic prosperity. The dependence on oil exports has
created macroeconomic instability, and Angola has suffered periods of fiscal contraction due to
fluctuations in commodity prices. Although the country has enjoyed strong gross domestic product (GDP)
growth, this has been achieved by depleting natural capital for consumption, rather than reinvestment in
other types of capital to generate sustainable growth. The recent change in leadership represents a
window of opportunity for political and economic reform that will allow Angola to put itself on a path
toward sustainable development.

ÁGUA E SANEAMENTO no OGE 2017

Tuesday, 6 November, 2018

O peso do orçamento do sector de Água e Saneamento no OGE 2017 aumentou para 1.6% (com relação a 1.2% no OGE Revisto de 2016), abaixo do nível de 3.5% estabelecido internacionalmente para que os países da África Subsariana alcancem os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) até 2030.

A KixiCrédito Actua Em 17 das 18 Províncias do País

Tuesday, 9 October, 2018

A KixiCrédito actua em 17 das 18 províncias do país e soma mais de 25 mil clientes activos, entre os quais mais de 60% são mulheres. Apesar do crescente sucesso na materialização de milhares de micro negócios sustentáveis em Angola e da sua ética de transparência, a KixiCrédito continua a debater-se com dificuldades no seu financiamento.

Plano de Desenvolvimento Nacional 2018-2022

Thursday, 4 October, 2018

O PDN 2018-2022 é o principal instrumento de governação do Executivo, que visa promover o desenvolvimento socioeconómico e territorial do País nos próximos cinco anos. Abrange os níveis nacional, sectorial e provincial e implementa as orientações estratégicas de desenvolvimento assumidas na Estratégia de Longo Prazo (ELP) Angola 2025.

Informal Water Markets and Community Management in Peri-urban Luanda, Angola

Wednesday, 3 October, 2018

The majority of Angola’s peri-urban population still rely on informal mechanisms for water supply. This water is expensive and of poor quality, representing a significant household expenditure for the urban poor. The article uses qualitative tools and tracking of the supply chain to analyze the scope of the informal water economy in Luanda. Marketing water at the local household level involves significant trading in social capital. A financially sustainable model of community water management that builds on this neighbourhood social capital has been adopted by the government for implementation across the country.

Gap Analysis and Action Plan - Scoping Report October 2018

Monday, 1 October, 2018

Angola National Gap Analysis Report of the SADC Groundwater Management Institute. The project entailed a gap analysis for the policy, legal and institutional frameworks for groundwater management at national and regional level. The gap analysis involved a desktop review of existing literature, focus group discussions and a questionnaire that culminated in a regional and country-specific perspective status reports for each SADC member state

SECTOR ÁGUA E SANEAMENTO PROMOVE FORMAÇÃO SOBRE GESTÃO COMUNITÁRIA NO BAILUNDO

Monday, 1 October, 2018

O “Ondaka” traz nesta edição do mês de Outubro maioritariamente notícias relacionadas a água. A água é um bem essencial a vida, principalmente para a preservação do bem-estar do homem. Infelizmente este bem (a água) não tem sido acessível para muitos de nós e em muitos casos quando é acessível, peca pela qualidade que é exigida para a manutenção da nossa saúde. Reconhece-se o esforço do governo e organizações da sociedade civil na colocação pontos ou sistemas de águas em varias comunidades rurais da nossa província, com objectivo de tornar mais acessível a água e promover o consumo de água potável às comunidades. No entanto, a problemática que assola em muitos desses pontos instalados têm a ver com a sustentabilidade, fazendo com que os sistemas de águas instalados não consigam cumprir com o devido tempo de vida útil. Para o efeito, existem modelos criados que visam garantir que os sistemas de água permaneçam funcionais nas nossas comunidades. Porém, estes modelos apenas são eficazes se forem acautelados a participação dos próprios beneficiários na preservação dos sistemas instalados. Há de facto teses que defendem que para haver uma sustentabilidade efectiva do bem (infra estrutura) tem que haver uma participação mais ampla, isto é desde a identificação do problema, no nosso caso específico, desde a necessidade sentida da falta de água pelos próprios beneficiários. Assim urge toda necessidade de criar modelos eficazes que estejam vinculados ao contexto cultural, económico e social.

Angola Chapter - Africa Housing Finance Yearbook 2018

Monday, 1 October, 2018

Angola’s economy is highly concentrated around the oil industry, which comprises
about a third of its GDP and around 95 percent of exports, despite the global
downturn and decrease in oil prices.1 Oil revenues and oil-backed loans have
allowed for large-scale state investments in the construction and rehabilitation of
public infrastructure, including the implementation of an ambitious housing
programme to meet the country’s massive housing deficit, which is growing rapidly
in a context of rapid urbanisation. Currently Angola is said to be one of the fastest
urbanising countries in Africa with more than 62 percent of its population living in
cities.2

Temos Ajudado os Bancos a Relocalizarem os Clientes

Friday, 28 September, 2018

A Kixicrédito, operadora de microfinanças em Angola, financiou mais de 400 mil pequenos negócios. Ela completa hoje 13 anos e o seu director executivo faz o balanço ao NJ.

Kixicrédito Financia Mais de 400 mil Pequenos Negócios

Friday, 28 September, 2018

A Kixicrédito, empresa de microfinanças que prima pela inclusão social e económica das comunidades suburbanas e rurais, conta com mais de 25 mil clientes activos em 17 províncias do País e financiou mais de 400 mil pequenos negócios de famílias vulneráveis. Entre os 25 mil clientes, conquistados em 13 anos de existência da Kixicrédito

Projecto de Gestão de terra planifica elaboração de mapas municipais participativos

Saturday, 1 September, 2018

A nossa missão é a de informar os leitores com menor acesso a informação divulgada pelos média oficiais, onde as notícias dos acontecimentos que têm lugar ao nível da comunidade não merecem particular relevo, sobretudo as notícias que relatam os acontecimentos que dizem respeito directamente ao cidadão no local onde habita. Temo-lo feito com maior dedicação, consciente da importância do trabalho que desenvolvemos, e animamos pelo encorajamento que o nosso público-alvo nos tem dado através da procura pelo nosso boletim. O nosso propósito é também o de encorajar outras iniciativas com mesma orientação, que possam contribuir para diversificar ainda mais a informação ao cidadão, pois trata-se de um contributo para o seu desenvolvimento integral e da sua disponibilidade de criar iniciativas que possam resultar na criação de riqueza, através da exploração dos imensos recursos que o nosso território possui. Apesar de ser uma actividade que não é directamente remunerada, desafiamos outros potências actores a acompanhar-nos nesta empreitada, cujos resultados são verdadeiramente multiplicativos. 

Participação das Mulheres no Processo Autárquico em Angola

Friday, 31 August, 2018

Luís Samacumbi, formado em Estudos sobre Paz e Gestão de Conflitos, Liderança e Desenvolvimento, Mestre em Teologia , e Oficial de Programas do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) é autor de 7 Livros publicados sobre várias matérias de interesse público. Foi o prelector no Espaço do Debate à Sexta feira da Development Workshop Angola. Ao longo da sua abordagem falou sobre a importância da participação e representação das mulheres na administração local; e alinhará essa abordagem com a Agenda 2030.

http://www.dw.angonet.org/forumitem/participaa-o-das-mulheres-no-processo-auta-rquico-em-angola

Private condominiums in Luanda: more than just the safety of walls, a new way of living

Sónia Frias & Cristina Udelsmann Rodrigues
Wednesday, 29 August, 2018

Since its independence in 1975, Angola’s capital Luanda has been going through deep processes of demographic, economic, social and physical transformations. In this article, apart from introducing the case study of private condominiums in the general discussion on urban studies in the Global South, we focus on the dynamics of transformations regarding housing for the mid/upper strata, providing the background for the emergence and recent expansion of gated communities/condominiums, a phenomenon that has acquired major importance in the recent decades in Luanda. The specialised literature relates the demand for and multiplication of these residential structures in Africa with issues such as the search for safety associated with demonstrations of exclusive lifestyles. In the case of Luanda, the authors found––through a case study and qualitative data collected among residents and non-residents of condominiums––that, contrary to the results from other studies, condominiums in Luanda are essentially sought after primarily for functional reasons such as access to infrastructure and better living

Há vários países onde as eleições locais são não-partidárias

Thursday, 23 August, 2018

Director da mais antiga ONG a operar no país, a Development Workshop, especializada em governação local, defende que a ideia de haver eleições autárquicas não partidárias deveria ser mais bem aprofundada por se tratar de um modelo adoptado em quase todo o mundo. É a favor do gradualismo geográfico, na condição de que atinja rapidamente os outros municípios.

AddThis